top of page

CPI do DF de 8 de janeiro aprova convocação do hacker da Vaza-Jato

Atualizado: 25 de ago. de 2023

Walter Delgatti Netto irá prestar depoimento enquanto testemunha na Comissão da Câmara Distrital
Walter Delgatti
O hacker Walter Delgatti Netto em depoimento à CPMI do 8 de Janeiro (Marcos Oliveira/Agência Senado/Divulgação)

Antes da oitiva do ex-ajudante de ordens de Jair Bolsonaro, Mauro Cid, a Câmara do Distrito Federal aprovou a convocação do hacker Walter Delgatti Neto enquanto testemunha da CPI que apura, em paralelo à Comissão no Congresso Nacional, os atos de 8 de janeiro.


O requerimento para convocar Delgatti foi apresentado pelo deputado distrital Gabriel Magno (PT) e aprovado com cinco votos a favor.


Nesta semana, o hacker foi condenado pela Justiça do Distrito Federal a 20 anos de prisão por conta do vazamento de conversas de integrantes da força-tarefa da operação Lava-Jato.


Em depoimento à CPMI, no Congresso Nacional, Delgatti disse que recebeu cerca de 40.000 reais da deputada Carla Zambelli para invadir os computadores do Conselho Nacional de Justiça. A parlamentar terá o sigilo quebrado pela Comissão.


AUTOR: RAMIRO BRITES

DATA: 24/08/2023

VEÍCULO: VEJA


Comments


bottom of page